imag2

Discentes dos cursos de Pedagogia e Educação Física (Licenciatura), atuantes no programa Residência Pedagógica (RP), apresentaram quatro trabalhos científicos no V Congresso Nacional de Educação de Poços de Caldas. O evento ocorreu nos dias 9 e 10 de junho e contou com minicursos, palestras, conferências, mesas-redondas e debates. Professores e pesquisadores de destaque nacional prestigiaram a iniciativa.

Foram exibidos os resultados de atividades na Escola Estadual Aureliano Rodrigues Nunes, na Escola Estadual José Bernardes de Faria e no CEMEI Prof. José Juvêncio Fernandes. As pesquisas tiveram a orientação dos coordenadores: Profa. Ma. Elizabeth Rocha de Carvalho Oliveira e Prof. Me. José Carlos Leal. Também receberam o apoio dos Preceptores das escolas campo: Nayara Lopes Favarini, Paulo Márcio Montsserat e Fernanda de Paula Pedrosa.

Os discentes apresentaram em banners os seguintes conteúdos: “Um estudo sobre o Ensino Remoto em uma escola pública de Minas Gerais” (subprojeto de Educação Física), “Constituir-se docente: a contribuição do programa Residência Pedagógica na formação inicial do professor” e “A etapa da ambientação da Residência Pedagógica e sua importância para a formação docente” (subprojetos de Pedagogia).

Já o trabalho “Era uma vez... a Residência Pedagógica e o letramento literário no contexto da pandemia” foi selecionado para apresentação oral, pela Residente Aléxia Carolline Martins Teodoro, do 7º período de Pedagogia. A acadêmica recebeu muitos elogios da banca e disse que foi uma oportunidade de crescimento e de mostrar a Residência Pedagógica em uma dimensão extraescolar.

A Profa. Ma. Elizabeth Rocha de Carvalho Oliveira, Coordenadora Geral do programa, ressaltou o orgulho da atuação dos Residentes em relevante evento nacional. “Tudo isso é resultado do esforço de todos, mesmo em tempos tão turbulentos, e de um coeso trabalho de equipe da Residência Pedagógica”, afirmou.

Residência Pedagógica

O programa é mantido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Ele visa incentivar a formação de docentes para a educação básica, valorizando o magistério e permitindo a inserção dos licenciandos no cotidiano das escolas da rede pública, para que vivenciem a regência e experiências metodológicas, tecnológicas e práticas de caráter inovador e interdisciplinar para a busca de soluções dos problemas de ensino-aprendizagem. No UNIFOR-MG, o programa existe desde 2018 e abriga alunos dos cursos de Pedagogia e Educação Física.

 rp 2

A Residente Alexia Carolline Martins Teodoro, do 7º período de Pedagogia, recebendo as considerações da banca

 

 

 

 

 

 

AVISE-ME. Receba informações sobre o Vestibular UNIFOR-MG
Autorizo receber newsletter do UNIFOR-MG.