logo

0800 283 0494

facebookyoutubetwitterinstagran

MUDE PARA O UNIFOR-MG

40% DE DESCONTO NA OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO 

CLIQUE AQUI E INSCREVA-SE GRATUITAMENTE

historia

O Centro Universitário de Formiga e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Formiga (APAE) oferecem, em parceria, atendimentos de hidroterapia (fisioterapia aquática). As ações são realizadas uma vez por semana na sede da entidade, com o auxílio de matriculados no 9º e 10º períodos de Fisioterapia, por meio do estágio supervisionado de Disfunções Neuromotoras.

São beneficiados: usuários e alunos da Associação; adultos que apresentam mobilidade reduzida, dificuldades sensório-motoras e com disfunções neuromotoras instaladas; crianças em risco de desenvolvimento neuropsicomotor (Síndrome de Down, Paralisia Cerebral, Autismo, entre outras).

De acordo com a fisioterapeuta da APAE e professora do UNIFOR-MG, Mônica Campos Pedrosa, são combinadas propriedades físicas da água em piscina aquecida com o conhecimento e intervenções dos discentes de Fisioterapia, o que torna o tratamento mais efetivo. Ela explicou que a atividade propicia relaxamento, conforto e liberdade de movimento, conforme a necessidade de cada assistido.

“Técnicas específicas de hidroterapia e hidrocinesioterapia oferecem um programa de exercícios aquáticos específicos que favorecerem o alongamento e fortalecimento muscular, estimulam coordenação e equilíbrio, melhoram a autoconfiança e independência do paciente no meio líquido”, ressaltou.

Segundo a professora, a longo prazo, o tratamento aprimora o padrão e a qualidade do sono, a digestão e a resposta do sistema imunológico, aumenta a respiração profunda e diminui a ansiedade, além de ser uma atividade prazerosa e lúdica. “A proposta promove o conhecimento terapêutico especializado, como meio de reabilitação e proporciona ao estagiário ampliar seus conhecimentos e se preparar para o mercado de trabalho”, afirmou.

Para a Apae, pontuou a Profa. Mônica Campos Pedrosa, a iniciativa possibilita manter a qualidade e elevar os atendimentos às pessoas com Deficiência Intelectual e Múltipla. A docente comentou que esse vínculo confirma a responsabilidade social do Centro Universitário e sua articulação entre as comunidades acadêmica e regional.

O coordenador do curso de Fisioterapia, Prof. Me. Wellerson Costa Faria, considera importante a parceria do UNIFOR-MG e a APAE, visto que o benefício é tanto para os assistidos da entidade, quanto para os alunos da graduação, que vivenciam a realidade das instituições e organizações do município. Outro ponto citado pelo entrevistado é que os discentes podem colocar em prática o que é aprendido na teoria.

Foto: APAE

 

AVISE-ME. Receba informações sobre o Vestibular UNIFOR-MG
Autorizo receber newsletter do UNIFOR-MG.