logo

0800 283 0494

facebookyoutubetwitterinstagran

Mude para o melhor! Venha para o UNIFOR-MG

TRANSFERÊNCIA/OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO

clique e saiba mais

 

imag2

 

foto1 matclegenda mat2clegenda2

O docente destacou que o trabalho de produção acadêmica é exaustivo, mas o resultado compensa

O Prof. Dr. Heslley Machado Silva teve o artigo “Biology teachers’ conceptions about the origin of life in Brazil, Argentina, and Uruguay: A comparative study” publicado em dezembro na prestigiada revista científica Zygon. Ele contou com a parceria de sua orientadora de pós-doutorado, a portuguesa Dra. Graça Carvalho; do pesquisador francês Dr. Pierre Clement; do pesquisador Tiago Valentim e da graduada em Ciências Biológicas do UNIFOR-MG, Isabela Leão.

O trabalho é resultado das pesquisas do Prof. Dr. Heslley Machado Silva no Centro Universitário de Formiga e do seu doutorado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O resumo foi apresentado em 2015 em um encontro científico nas Ilhas Galápagos, no Equador.

Já o artigo “Human species origin for biology teachers in Latin American countries” do docente do UNIFOR-MG foi aprovado pela revista Theology and Science, da Universidade de Berkeley, Califórnia, Estados Unidos. A expectativa é que seja publicado na próxima edição. O periódico tem fator de impacto 0,39.

O estudo também é resultado das investigações do professor no UNIFOR-MG, do seu doutorado (Argentina, Brasil e Uruguai) e do seu projeto na Universidade de Oxford (Inglaterra), com financiamento da Fundação Templeton (Norte-americana). O resumo foi apresentado em um evento em 2016 na Universidade do Minho (Portugal).

São coautores: seu orientador de doutorado na UFMG, Dr. Eduardo Mortimer; a portuguesa Dra. Graça Carvalho; o pesquisador argentino Prof. Martin Diaz e a Dra. Ivanna Tomasco, da Universidade uruguaia de la Republica.

Dedicação

Há ainda o artigo “Chimpanzee included in the genus Homo? How Biology teachers from three Latin American countries conceive it” do Prof. Dr. Heslley Machado Silva. Ele está em fase de revisão para a revista internacional Journal of Biological Education (fator de impacto 0.946).

A partir de uma série de solicitações dos rigorosos revisores dessa publicação, o pesquisador do UNIFOR-MG e os outros autores, Dra. Graça Carvalho e o investigador colombiano Gonzalo Peñaloza, pretendem rever todas as críticas apontadas. O resumo desse trabalho foi apresentado em um evento científico em Budapeste, Hungria, em 2016.

O entrevistado salienta que é árduo o trabalho de publicar em revistas científicas, especialmente naquelas de alto nível. Aponta que todas essas produções foram recusadas inicialmente, com vários pedidos de revisão, sendo que o texto da revista Zygon regressou para os autores diversas vezes.

O pesquisador do UNIFOR-MG ressalta a necessidade de ter colaboração de autores com experiência para sanar as dificuldades encontradas, afirmando que sem essas participações seria muito difícil conseguir essas divulgações. O professor recomenda a seus colegas e alunos que pretendem se dedicar a publicações que é preciso perseverar, e muito.

“Por mais que seja frustrante ter o artigo recusado, ou que tenha várias indicações de correções, não se deve desanimar. Cada retorno deve ser compreendido como uma oportunidade de aprendizado e de aprimoramento da capacidade de escrita científica”, considerou.

O pesquisador agradece ao Centro Universitário de Formiga pelo incentivo acadêmico e financeiro para a pesquisa e a produção científica.

revista zygon

Revista Zygon

 

 theology

Revista Theology and Science

 

biological

Journal of Biological Education

 

 

 

 

 

AVISE-ME. Receba informações sobre o Vestibular UNIFOR-MG
Autorizo receber newsletter do UNIFOR-MG.