logo

0800 283 0494

facebookyoutubetwitterinstagran

Mude para o melhor! Venha para o UNIFOR-MG

TRANSFERÊNCIA/OBTENÇÃO DE NOVO TÍTULO

clique e saiba mais

 

imag2

A Profa. Ma. Luciane Alves Gianasi defendeu, no dia 19 de fevereiro, a dissertação “Desenvolvimento Motor de Crianças Inseridas em Creches na Rede Pública de Educação”. O Mestrado foi realizado na Área de Concentração Fatores de Proteção, Risco e Vulnerabilidade para Grupos Populacionais Específicos, Linha de Pesquisa Vulnerabilidade Social, Riscos e Promoção da Saúde, na Universidade de Franca (UNIFRAN-SP).

De acordo com a docente, a pesquisa avaliou o desenvolvimento motor e o crescimento de crianças de dois a três anos de idade inseridas em creches da rede pública de Formiga. A amostra compreendeu 289 matriculados em Centros de Educação Infantil de tempo integral.

Foram avaliadas: a antropometria, conforme as recomendações da Vigilância Alimentar Nutricional, e a motricidade, por meio da Escala de Desenvolvimento Motor, sendo observados: desenvolvimento motor global, motricidade fina, equilíbrio, esquema corporal, organização espacial e organização temporal.

Segundo a professora, também foi aplicado o questionário APGAR Familiar. Foram obtidos resultados em relação ao crescimento de 48,8% dos estudantes, como eutrofia, 24,3% como risco nutricional, 22,8% como risco de sobrepeso e apenas 4,1% como peso baixo para a idade. Na avaliação da motricidade, os discentes ficaram em média 3,2 meses acima da idade cronológica.

Observou-se que as meninas e meninos apresentaram um desempenho satisfatório (Muito Superior) nos elementos motores, motricidade fina (47,7%), motricidade global (70,9%), equilíbrio (66,4%) e esquema corporal (32,5%). Já nos elementos motores organização espacial (20,7%) e organização temporal (5,5%) apresentaram com respostas inferiores em 1,1% na organização espacial e 44,3% na organização temporal. Verificou-se na correlação do crescimento com a motricidade que os alunos caracterizados como Risco de Sobrepeso obtiveram a melhor classificação motora.

Também as meninas e meninos com risco de sobrepeso apresentaram a família com classificação do Apgar como Família Altamente Funcional. Destaca-se que a criança de dois e três anos se encontra em uma fase de descoberta dos alimentos e de desenvolvimento corporal. Nessa etapa, o crescimento é ordenado de acordo com o peso por idade, portanto o risco de manter acima desse índice de eutrofia pode ocorrer.

A Profa. Ma. Luciane Alves Gianasi destacou que foi possível concluir que as crianças responderam com desenvolvimento motor geral satisfatório, segundo os parâmetros adotados pela escala proposta por Rosa Neto, entretanto, os aspectos da linguagem e do cognitivo devem ser melhor atendidos a esse público.

“Concluir o Mestrado tem uma grande importância para minha vida profissional. Foi um grande aprendizado e uma experiência inexplicável. Estar na docência é uma realização profissional que aumenta a cada dia. Ter a possibilidade de buscar conhecimentos, experiências e novas metodologias para aplicar nas minhas aulas, para os meus alunos enriquece o meu trabalho. Agradeço ao UNIFOR-MG, ao Curso de Educação Física e aos colegas de trabalho pelo apoio e incentivo nessa conquista”, ressaltou.

A entrevistada leciona as seguintes disciplinas no UNIFOR-MG: Metodologia do Ensino de Dança e Ritmo, Metodologia do Ensino de Ginástica Rítmica, Metodologia do Ensino de Ginástica Artística, Aprofundamento de Ginástica Rítmica e Ginástica Artística, Esportes Complementares e o Meio Ambiente, Estágio Supervisionado. Ela é docente no 1º, 3°, 4°, 5º e 6º períodos dos cursos de Educação Física (Licenciatura e Bacharelado), além de Coordenadora de Área do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) do UNIFOR-MG.

Mestrado Luciane 3

A Profa. Ma. Luciane Alves Gianasi e a sua orientadora a Profa. Dra. Marisa Afonso Andrade Brunherotti

Mestrado Luciane 2

 

 

AVISE-ME. Receba informações sobre o Vestibular UNIFOR-MG
Autorizo receber newsletter do UNIFOR-MG.